Alimente-se bem! Dicas para deixar o corpo em forma

Alimente-se bem! Dicas para deixar o corpo em forma

Por: - Cirurgião Plástico - Departamento de Marketing da SBCP/SC - CRM 13519 | RQE 9876
Publicado em 08/06/2018 - Atualizado 09/02/2019

Você está na busca pelo corpo em forma? A cirurgia plástica, além de ser específica para cada caso, é uma maneira de proporcionar qualidade de vida. O aumento da satisfação com a própria imagem também leva à uma comprovada melhora da saúde psicológica do indivíduo. No entanto, é fundamental deixar claro que, embora possa ser eficiente, o processo cirúrgico depende de alguns fatores para que o sucesso seja plenamente alcançado.

Primeiro, é preciso escolher um bom profissional. Busque por um cirurgião capacitado, que seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP-SC), que tire todas as suas dúvidas e lhe forneça opções específicas para o seu caso. Ele saberá dizer como você deverá se comportar antes, durante e após a cirurgia.

No momento de escolher o cirurgião ideal, não baseie a decisão apenas no valor, e desconfie de cirurgias muito baratas. Um bom cirurgião é aquele que lhe transmite confiança, esclarece suas dúvidas detalhadamente e conversa abertamente sobre todas as opções.

O cuidado com uma boa alimentação antes e depois de realizar uma cirurgia plástica prepara o organismo para o procedimento e para a recuperação. Além disso, diminui o risco de complicações, ajuda o corpo a voltar ao normal mais rapidamente e contribui para a conquista de resultados eficazes.

Recomenda-se iniciar a mudança alimentar no pré-operatório justamente para que o paciente se acostume com a nova vida que irá levar. Esse novo estilo irá alterar o que será ingerido, tanto em quantidade, quanto na qualidade dos nutrientes.

Instruções para manter o corpo em forma

Como dissemos, após a realização da cirurgia e o pós-operatório, torna-se fundamental realizar uma mudança psicológica e alimentar. Assim, é possível substituir os antigos hábitos nocivos para uma rotina muito mais saudável, que será combinada à transformação do seu corpo. Não se esqueça de consultar sempre um especialista para acompanhar o seu processo nutricional. Veja algumas dicas valiosas:

Praticar exercícios físicos

Após a liberação do médico, inclua na sua rotina práticas de exercícios físicos. Escolha o que mais lhe agradar e procure estabelecer essa meta assim que autorizado pelo especialista. Dessa forma, é possível iniciar uma nova etapa na vida e manter o corpo em forma. Além de prevenir o aumento de peso, exercitar o corpo ajuda a evitar a flacidez. Também diminui a ansiedade e proporciona a sensação de bem-estar e ajuda a regular as substâncias do cérebro, como a endorfina, que alivia dores e relaxa o organismo.

Aumente a ingestão de líquidos

Ingerir, pelo menos, dois litros de água por dia é fundamental para hidratar o corpo e auxiliar o transporte de nutrientes dentro do organismo. Para verificar se está fazendo isso corretamente, meça a coloração da urina, que deve estar bem clara e com ausência de cheiro forte. Também é importante não ingerir líquidos junto às refeições, já que altera o processo de mastigação e atrapalha a digestão. Busque consumir líquidos 30 minutos antes ou 60 minutos após as principais refeições.

Mastigue bem os alimentos

Faça as refeições sem pressa e mastigue bem os alimentos. O ideal é que a mastigação torne o alimento pastoso, para facilitar o processo digestivo. Além disso, ao comer rápido, obviamente, comemos mais. Separe 20 minutos, no mínimo, para cada refeição, que deve ser feita com tranquilidade.

Evite alimentos refinados e industrializados

Os chamados alimentos brancos (arroz, trigo, pão e açúcar) não trazem benefícios à saúde, quando consumidos em grande quantidade. Eles passam por um processo chamado branqueamento, onde remove-se a película que contém a maioria dos nutrientes. Caso não passasse por esse processo, o alimento seria integral – o que é excelente para manter os níveis de glicemia e a ingestão de fibras, que ajudam na saciedade e na função intestinal. Portanto, inclua os integrais à sua lista de compras.

Os alimentos processados, industrializados e embutidos possuem inúmeras substâncias químicas que são nocivas a longo prazo. O consumo dos mesmos, em grande quantidade, aumenta o trabalho do fígado para neutralizar conservantes e corantes, prejudicando também a sua eliminação por meio dos rins. Além do mais, alguns desses produtos, como os nitiritos, possuem efeitos cancerígenos.

Consuma hortaliças e frutas

As frutas, verduras e legumes  são ótimas fontes de fibras, minerais e vitaminas, e têm função antioxidante, ou seja, são alimentos que também reforçam a proteção do organismo.

Quer obter mais dicas? Acesse nosso blog e siga as nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Conteúdo revisado por:
Cirurgião Plástico - Departamento de Marketing da SBCP/SC - CRM 13519 | RQE 9876

Formado em Medicina pela UnB e especialista em cirurgia plástica pela PUC-PR, o Dr. Guilherme Pintarelli é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e integrante do Departamento de Marketing e Mídias Digitais da SBCP-SC.   Ver Lattes

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.