As 5 cirurgias plásticas mais realizadas em 2015

As 5 cirurgias plásticas mais realizadas em 2015

Por: - Cirurgião Plástico e Presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - CRM/SC 8130 RQE 2674
Publicado em 09/08/2016 - Atualizado 09/02/2019

A Sociedade Americana de Cirurgia Plástica (Asaps) divulgou as estatísticas das cirurgias plásticas mais realizadas nos EUA em 2015. Ao todo foram feitas cerca de 1,9 milhão de cirurgias plásticas no país da América do Norte no ano passado.

A cirurgia mais realizadas pela população norte-americana foi a lipoaspiração. Aproximadamente 396 mil pessoas se submeteram ao procedimento. Em seguida estão a mamoplastia de aumento (305.856 procedimentos), a abdominoplastia (180.717 procedimentos), a cirurgia das pálpebras (169.708 procedimentos) e o lifting de mamas (148.967 procedimentos).

As cirurgias plásticas mais realizadas por homens e mulheres

A lipoaspiração também aparece em primeiro lugar entre as cinco cirurgias plásticas mais realizadas por homens e mulheres nos EUA no ano passado. Do ranking feminino, fazem parte os mesmos procedimentos que estão inclusos no ranking geral. No dos homens, mantém-se a cirurgia de pálpebra. Os demais são cirurgia de nariz, redução de mama masculina e facelift.

Procedimentos cirúrgicos mais populares em cada idade

A Asaps também apresenta as estatísticas dos procedimentos cirúrgicos mais realizados de acordo com a faixa etária. O mais comum entre a população com até 18 anos é a cirurgia de orelha (otoplastia). Mulheres com idade entre 19 e 34 anos são o público mais frequente da mamoplastia de aumento. A lipoaspiração é o de maior destaque na faixa etária dos 35 aos 64 anos. A cirurgia de pálpebra é o mais procurado por pessoas com 65 anos ou mais.

Informações de destaques do relatório divulgado pela Asaps

  • Os norte americanos gastaram mais de 13,5 bilhões de dólares em procedimentos cirúrgicos e não-cirúrgicos combinados em 2015.
  • Em 2015, o gasto dos norte-americanos com procedimentos cirúrgicos e não cirúrgicos combinados foi 1,5 bilhões de dólares maior.
  • Os procedimentos cirúrgicos foram responsáveis por 58% das despesas totais em 2015.
  • A maioria dos procedimentos foram realizados em pessoas com idade entre 35 e 50 anos.
  • 85% das próteses usadas para aumentar os seios eram de silicone. Apenas 15% continham solução salina.

Grande parte do que é tendência fora do Brasil costuma ser reproduzido no país. Mas, mais do que técnicas modernas e inovadoras, o sucesso de uma cirurgia plástica depende do cirurgião plástico que fará o procedimento.

Os cirurgiões plásticos brasileiros são considerados os mais qualificados do mundo. Para se tornar especialistas, os médicos passam por cinco anos de formação, dois deles em cirurgia geral e três em cirurgia plástica. Os membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) podem ser encontrados por intermédio do site da entidade. Eles são os mais aptos a realizar qualquer um dos procedimentos de cirugia plástica de forma confiável e segura.

Conteúdo revisado por:
Cirurgião Plástico e Presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - CRM/SC 8130 RQE 2674

Formado em medicina pela UFSC e mestre em Cirurgia Plástica pela USP, o Dr. Evandro Parente é membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e presidente da SBCP-SC

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.