Dermoabrasão

Dermoabrasão

A dermoabrasão ajuda a refinar as camadas superficiais da pele por meio de um método controlado de raspagem cirúrgica. O tratamento suaviza as irregularidades da superfície, dando à pele uma aparência mais suave.

A dermoabrasão é mais frequentemente utilizada para melhorar a aparência da pele da face com cicatrizes de acidentes ou de cirurgias prévias, bem como para suavizar rugas faciais superficiais, tais como aquelas ao redor da boca. O procedimento também pode ser usado para remover tumores pré-cancerígenos, denominados queratoses, e cicatrizes profundas de acne. A dermoabrasão pode ser realizada em pequenas áreas da pele ou sobre toda a face, podendo ser feita isoladamente ou, juntamente, com demais procedimentos tais como facelift ou peeling químico.

A Dermoabrasão é indicada para mim?

Nenhum tratamento remove todas as cicatrizes e imperfeições ou previne o envelhecimento. Antes de decidir se submeter a um tratamento de pele, pense, cuidadosamente, sobre suas expectativas e as discuta com o seu cirurgião.

Homens e mulheres de todas as idades, desde jovens a adultos mais velhos, podem se beneficiar do procedimento. Embora pessoas mais velhas se recuperem mais lentamente, os fatores mais importantes são o tipo de pele, a coloração e o histórico médico. Por exemplo, a pele negra, a pele asiática e a pele com tez escura podem descolorir permanentemente e ficar com manchas após o tratamento. As sardas podem desaparecer na área tratada. Ademais, a maioria dos cirurgiões não irá realizar o tratamento durante fases ativas de acne devido ao maior risco de infecção. O mesmo é válido se você já se submeteu a tratamento de radiação, teve queimadura de pele ou fez peeling químico previamente.

Preparando-se para o tratamento de Dermoabrasão

É bastante importante que o tratamento seja feito por um cirurgião plástico ou dermatologista qualificados e que tenham experiência com o procedimento. Afinal, a dermoabrasão geralmente envolve a parte mais visível de seu corpo: o rosto.

Em sua primeira consulta, discuta suas expectativas com o cirurgião, e não hesite em fazer perguntas ou expressar quaisquer preocupações que possam existir. O cirurgião deve ser igualmente franco com você, explicando os fatores que podem influenciar no procedimento (idade, condição da pele e cirurgias plásticas prévias) e nos resultados. O cirurgião irá discutir seu histórico médico, solicitar exames de rotina e fotografar seu rosto. O profissional deve explicar, também, o procedimento em detalhes, juntamente com os riscos e os benefícios, o período de recuperação e os custos. Seu cirurgião lhe dará instruções específicas sobre como se preparar para a cirurgia, incluindo orientações sobre comer e beber, e a suspensão da aspirina e de demais medicamentos que afetam a coagulação do sangue. Serão dadas, também, orientações especiais sobre o cuidado e o tratamento da sua pele antes da cirurgia. Se você fuma, provavelmente, será solicitado que pare de fumar por uma semana, ou duas, antes e após a cirurgia, pois o cigarro diminui a circulação de sangue na pele e impede a cicatrização.

Não deixe de pedir a alguém que o acompanhe à cirurgia e que lhe ajude em casa se necessário.

A cirurgia

O procedimento geralmente leva de alguns minutos a uma hora e meia, dependendo da extensão da área de pele envolvida. Não é incomum o procedimento ser executado mais de uma vez, em especial quando a cicatriz é profunda ou grande área de pele está envolvida.

Na dermoabrasão, o cirurgião raspa a camada mais superficial da pele com uma escova metálica áspera ou um instrumental contendo partículas de diamante, ligados a um cabo motorizado. A raspagem continua até que o cirurgião alcance o nível mais seguro, deixando as cicatrizes menos visíveis.

Recuperação após a cirurgia

Logo após o procedimento, a pele fica bastante vermelha e inchada, assim, comer e falar pode ser difícil. Provavelmente, você sentirá um pouco de formigamento, queimação ou dor, que podem ser controlados com medicamentos prescritos pelo cirurgião. O inchaço começará a diminuir dentro de alguns dias a uma semana.

Se você se lembrar dos arranhões que teve quando criança, terá uma ideia do que esperar deste tipo de cirurgia. Uma crosta irá se formar sobre a área tratada durante o processo de cicatrização. A crosta irá cair à medida que uma nova camada de pele é formada. O rosto pode coçar à medida que nova pele se forma. O cirurgião pode recomendar uma pomada para aliviar o desconforto e lhe dará orientações detalhadas sobre como cuidar de sua pele após a cirurgia. Para os homens, cuidados especiais incluem postergar o barbear e usar um barbeador elétrico ao fazer a barba, pela primeira vez, após a cirurgia. é Muito importante que você compreenda e siga as orientações dadas pelo médico.

Se você observar que a área tratada tende a piorar e, não, a melhorar (se torna cada vez mais vermelha, e com coceira após o início da cicatrização), pode ser um sinal de que cicatrizes anormais estão começando a se formar. Entre em contato com o cirurgião o mais rapidamente possível, de modo que procedimentos adequados sejam realizados.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica