Cirurgia para reduzir as bochechas: o que muda no rosto

Cirurgia para reduzir as bochechas: o que muda no rosto

16/10/2017

A cirurgia para reduzir as bochechas é denominada bichectomia e serve para retirar determinado volume de gordura do local.

Assim como em outras partes da face, a bochecha apresenta um compartimento de gordura que funciona, basicamente, como um sistema de proteção. Ele se encontra ao longo da superfície lateral do rosto, desde a têmpora até próximo à mandíbula, e se chama Bola ou Bolsa de Bichat.

A necessidade da bichectomia ocorre quando há um acúmulo elevado de gordura nas bochechas, causando um aspecto mais arredondado ao rosto.

Para quem é indicada a cirurgia para reduzir as bochechas?

Qualquer pessoa que esteja com a saúde em dia e insatisfeita com o aspecto do seu rosto, por causa das suas bochechas, pode fazer a cirurgia de redução.

Resumindo, estes são os principais motivos pelos quais as pessoas resolvem realizar uma cirurgia para reduzir as bochechas:

  • baixa autoestima ou insegurança com a aparência do rosto;
  • insatisfação com o grande volume das bochechas;
  • semblante do rosto muito grosseiro por causa da falta de harmonia;
  • falta de definição da linha da mandíbula e pescoço;
  • rosto com volume aumentado, mesmo perdendo peso;
  • desejo por uma face mais atraente.

O cirurgião plástico irá definir, através de um minucioso exame facial, qual o melhor procedimento para cada caso, que também pode variar de acordo com as necessidades estéticas reivindicadas pelo paciente.

Isso ocorre porque, em determinados casos, mesmo após a remoção das Bolsas de Bichat, não se observa grandes alterações no volume das bochechas, como ocorre quando há hipertrofia do músculo masseter ou a Bolsa de Bichat é muito pequena.

Quando devo fazer a cirurgia para diminuir as bochechas?

Geralmente, a maioria das cirurgias realizadas no rosto pode ser feita assim que houver o crescimento completo da face, o que ocorre na adolescência. O cirurgião plástico irá definir se já é possível realizar a bichectomia no paciente. O procedimento somente ocorre com o consentimento por escrito dos responsáveis pelos que são menores de idade. Porém, a maioria dos pacientes que procuram e realizam a bichectomia possui entre 20 e 40 anos.

Como é feita a cirurgia de bichectomia?

A cirurgia plástica que reduz a gordura das bochechas é simples e realizada através de um pequeno corte na parte interna da boca. A incisão não deixa cicatrizes perceptíveis e, através dela, é retirado o excesso de gordura. O corte é suturado com dois ou três pontos absorvíveis, não havendo necessidade de retirada de pontos.

O que muda no rosto após a cirurgia?

A recuperação da bichectomia é relativamente rápida, mas pode variar de organismo para organismo. Os resultados definitivos podem ser visualizados a partir do terceiro mês após o procedimento. O paciente fica com o rosto inchado nos primeiros dias, por isso, é recomendado realizar compressas geladas na região. Geralmente o paciente pode voltar às suas atividades já no dia seguinte ao da cirurgia.

Conheça alguns resultados:

  • redução do volume das bochechas;
  • valorização das maçãs do rosto;
  • melhora da definição e harmonia dos contornos faciais;
  • promove um aspecto de afinamento da face.

Ficou com alguma dúvida sobre bichectomia? Entre em contato com a SBCP-SC. Temos uma equipe preparada para lhe oferecer todas as orientações necessárias quanto à cirurgias plásticas.