Cirurgia de contorno corporal ajuda a recuperar a boa forma

Cirurgia de contorno corporal ajuda a recuperar a boa forma

11/07/2017

Às vezes, não importa o quanto você faça exercícios físicos ou quão boa seja sua dieta alimentar: a flacidez e os contornos irregulares permanecem ali. Fatores como o envelhecimento, danos causados pelo sol, gravidez, oscilações significativas no peso e até a genética podem contribuir para a falta de elasticidade do tecido cutâneo, o que resulta em excesso de pele em várias regiões do corpo. A cirurgia de contorno corporal pode ajudar a solucionar isso.

Também chamado de body lifting, o procedimento melhora a forma e o tônus do tecido que sustenta a gordura e a pele, removendo os excessos. As seguintes áreas do corpo podem ser beneficiadas por essa operação:

  • abdominal, localmente ou estendendo-se para as laterais, na parte inferior das costas;
  • glúteos;
  • virilhas;
  • coxas, incluindo a parte externa, interna, posterior e circunferencialmente.

É importante entender que a cirurgia de contorno corporal não se limita, apenas, à remoção do excesso de gordura. Quando esse for o único objetivo e a pele ainda tiver boa elasticidade, a lipoaspiração pode ser o procedimento mais indicado. Caso contrário, uma combinação de lipoaspiração com lifting pode ser recomendada para obter um melhor contorno.

Além disso, é preciso considerar alguns aspectos antes de submeter-se à cirurgia. A perda de peso, quando houver, deve estar estabilizada, e mulheres que considerem engravidar são aconselhadas a postergar o procedimento, já que uma gestação pode afetar negativamente os resultados conquistados.

Em geral, bons candidatos à cirurgia de contorno corporal são pessoas com flacidez significativa em uma ou várias partes do corpo, saudáveis, não fumantes, comprometidas em manter hábitos sadios e que possuam expectativas realistas em relação ao procedimento.

Como é feita a cirurgia de contorno corporal

Depois de aplicada a anestesia, o cirurgião plástico realiza o(s) corte(s). O comprimento e o padrão das incisões dependem da quantidade e da localização do excesso de pele a ser removido. Quando o body lifting for completo (tratando nádegas, abdômen, cintura, quadris e coxas), a incisão é circular, em torno do corpo, para reposicionar e definir os tecidos. Depois disso, o corte é fechado com suturas e adesivos.

Os resultados são visíveis quase que imediatamente, mas pode levar de um a dois anos até que se perceba o efeito completo da cirurgia de contorno corporal. Após o procedimento, é preciso controlar o peso e cuidar da pele. Com o envelhecimento, no entanto, é natural que ela perca sua firmeza.